Tecnologia do Blogger.

sexta-feira, 2 de julho de 2010

A Luneta Mágica



Esse ano, na minha opinião, o Brasil conheceu o verdadeiro significado do que chamamos de "Liberdade de Expressão". Com a popularização da Internet, dos blogs e de ferramentas como o Twitter (aproveita e me segue lá... @bruno_priori), cada um de nós descobrimos que temos um espaço para expor nossas idéias, nossas opiniões.

Como diria nosso presidente, nunca antes na história desse país a população gritou tão alto se opondo aos grandes veículos de comunicação. Um povo que estava, até então, acostumado em receber as opiniões já formadas (não tínhamos, e ainda não temos o direito de pensar aqui) e transmitidas pelos grandes veículos de comunicação. É verdade que estamos caminhando à passos de formiga, mas estamos aprendendo a ter nossas próprias idéias e convicções.

Eu sou um grande defensor da chamada "Liberdade de Expressão", mas preciso fazer uma ressalva a respeito disso: a Liberdade, ao mesmo tempo que é uma grande dádiva, pode ser extremamente destrutiva. E essa dualidade me lembrou de um dos primeiros livros que eu li na minha vida (A Luneta Mágica de Joaquim Manuel de Macedo).

Nós estamos habituados a ouvir, ler e falar sobre Liberdade sob o olhar da "Luneta do Bem", um luneta que só nos permite ver o que há de melhor em cada coisa. Dessa forma, só enxergamos as vantagens da total "Liberdade de Expressão".

Na contramão disso, aprendemos a observar sob os efeitos da "Luneta do Mal", uma luneta que só nos permite ver o que pior de cada coisa, toda e qualquer ausência da Liberdade de Expressão.

Então eu sugiro que passemos a observar esse tipo de Liberdade com a "Luneta do Bom Senso", aquela que nos permite ver o lado bom e o lado ruim de cada coisa. É bem verdade que todos devemos ser livres para pensar e falar o que quisermos, na hora que quisermos e onde quisermos. Mas não vamos esquecer a a Liberdade provoca no ser humano uma falsa idéia de poder. Poder esse que não tem limites, passa por cima de tudo e de todos, causando a certeza de que só a nossa opinião é a correta. Quando adquirimos a liberdade de expressão, a sensação de poder que vem junto tira o direito de expressão de todos os outros.

Vamos construir e expressar nossas próprias idéias, mas não vamos esquecer de não apenas respeitar a liberdade do próximo mas também oferecer espaço para que os outros também exponham suas opiniões (Eu já deixei vocês comentarem aqui kkkkkkkkk).

Aproveito o tema para gerar aqui um questionamento para reflexão: Será que somos mesmo livres para criar nossas próprias idéias sem influência de nada, nem ninguém?
Será que desde o momento que nascemos não somos influenciados a pensar igual às pessoas que nos cercam?

@bruno_priori

9 comentários:

@CarolSutter disse...

onde assino?

Aline disse...

Adorei Primo...Já sou seguidora...

Ana Paula Ferreira disse...

Oi Bruno, Parabéns pelo blog!!
Gostei dos 2 textos!!
Conordo que liberdade de expressão é bom, mas bom senso e educação são fundamentais, né =)

Beijos!

MDB - MiadodeBode disse...

Adorei os dois ultimos paragrafos... São mesmo um toque para aqueles que confundem liberdade e sinceridade com opinião e expressão.
É muito dificil se expressar sem tomar aquilo como verdade. Cada um tem a sua. O importante é tomar consciencia de que nem todos precisam concordar. Quanto a pergunta... Somos livres para escolhermos por quem somos influenciados. Penso que é assim. E assim nos moldamos.

Luuh Motta disse...

Nem preciso falar que adorei o texto !
O complicado no Brasil,é que o povo é taxado como imbecil, ai enfiam qualquer porcaria na cabeça da gente...
Mas bom saber que ainda tem gente que pensa sozinho. Que não é influenciado pelo CALA BOCA GALVÃO !

Luuh Motta disse...

Esqueci uma coisa : Senti um cunho filosofico no teu texto !HAHAHA #Adooogo

Denny disse...

Bruneichons, grande filósofo da parada gostei. Então, eu estou nessa também. Temos liberdade de expressão sim, mas a partir do momento em que ela fere a outro, deixa de ser liberdade, e passa a ser agressão. E a linha entre uma e outra pode sr muito tênue às vezes.


Enfim, bons os que sabem discernir entre um e outro.


Bjs amore!

Glenda Rodrigues disse...

Aee Bruninho!
Ahazou!!
Favoritado aqui!!

@Lolo_Maciel disse...

Bom.. enquanto certos meios de comunicação tiverem o poder de persuasão que possuem hoje, infelizmente o significado de "liberdade de expressão" continurá sendo confundido!